01/02/2014

Digimon World Dusk e Dawn


Lançado em março de 2007 no Japão, Digimon World Dusk e Dawn são um par de jogos da franquia Digimon lançados para o Nintendo DS pela Bandai, a história dos jogos é simples e consiste de varias "quests" (missões) que juntas formam a trama principal que é basicamente a mesma em ambos os jogos, só muda a perspectiva dependendo da versão escolhida. Se não fosse pelo excesso de diálogos, esse seria um jogo muito melhor, mas ainda assim ele é um ótimo jeito de passar suas tardes com algo que não seja pokemon ou animal crossing.

Eu nunca joguei qualquer jogo de Digimon que não fosse o Rumble Arena para play 2, logo eu não entendia qualquer coisa sobre como funcionava os digimons, vantagens e desvantagens deles, evoluções e misturas entre os digimons, já que o Rumble Arena era puramente os digimons de Adventure 1 e 2 saindo na porrada um contra o outro, e por causa disso foi bem interessante jogar esse jogo que é em estilo RPG. Eu não pude deixar de ficar comparando com Pokemon (principalmente porque no inicio temos que escolher se somos menino ou menina), pois é basicamente a mesma coisa: você tem uma serie de desafios para resolver até chegar no seu objetivo enquanto treina os seus monstrinhos para ficarem mais fortes e evolui-los, coleta itens para te ajudar e captura novos monstros para sua equipe. A mecânica das lutas é o que diferencia essas franquias, eu me perdi bastante até entender como funciona, mas depois ficou tão simples quanto em pokemon.


O que me fez querer jogar isso, além da curiosidade, foi a história que tem dois finais, um para cada versão. Na trama existe duas organizações rivais, a Light Fang e a Night Claw, que moram em cidades opostas, respectivamente, o Sunshine District e a DarkMoon City. No começo do jogo, essas duas equipes estão participando de uma competição para ver qual delas possui os melhores domadores. Após a primeira rodada, o jogador aparece na sede de sua equipe e irá para sua casa, logo depois, um terremoto abala o lugar e um vírus surge e transforma todos os digimons em ovos, menos o do jogador, que voltam ao nível criança (Rookie). A partir daqui o jogador terá que passar pelas quests para resolver esse mistério e durante o caminho surgem as suspeitas de que a equipe rival esta por trás de tudo (a minha versão é a Dusk, logo as suspeitas caem sobre a Light Fang).

Se ficou interessado em jogar, eis as roms para baixar via 4shared, cada uma tem 65 mb e estão em inglês:

Eu ainda estou no final da segunda quest no Dusk e foi um estresse ficar perambulando sem rumo, logo, eu apelei para um detonado, no entanto, não havia NENHUM detonado escrito para esse jogo, só dicas soltas sobre as quests, mas felizmente, eu enfim encontrei um, em vídeo, mas ao menos ele mostrava como prosseguir sem grande enrolação. O detonado em vídeo esta no youtube do usuário xKole e ele tem um detonado para cada versão, o que é ótimo, pois cada uma possui lugares totalmente diferentes para explorar. O da Dawn possui 28 partes e o da Dusk tem 40 partes.


É isso por hoje, eu gostei do jogo e espero que alguém que leu ai goste também. Tchau!

I see you again, tamer!

Nenhum comentário

Postar um comentário

Gostou? Não? Por quê? Me diz!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...